Sessão especial homenageia a Revolução Constitucionalista de 1932

Batalhão se prepara para embarcar para combates com as forças federais: Revolução Constitucionalista cobrou uma nova Carta Magna democrática que acabou sendo promulgada dois anos mais tarde, em 1934. Foto: Museu Municipal de Iguape.

O Senado realizará uma sessão especial em comemoração ao Dia da Revolução Constitucionalista de 1932, às 9h de quinta-feira (11).

A homenagem foi requerida pelos senadores Major Olimpio (PSL-SP), Esperidião Amin (PP-SC), Wellington Fagundes (PR-MT), Alvaro Dias (Podemos-PR), Styvenson Valentim (Podemos-RN) e pela senadora Soraya Thronicke (PSL-MS), a fim de celebrar o marco histórico.

O Dia da Revolução Constitucionalista é comemorado anualmente no dia 9 de julho, feriado estadual em São Paulo, em memória ao dia em que os paulistas lutaram pela promulgação de uma Constituição no país, prometida após a Revolução de 1930, liderada pelo então presidente Getúlio Vargas.

Foram convidados para participar da celebração o desembargador Cauduro Padin, do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo, o coronel Marcelo Viera Salles, comandante da Polícia Militar de São Paulo, entre outras autoridades.

”O Dia da Revolução Constitucionalista de 1932 é uma das datas cívicas mais importantes do estado de São Paulo, sendo feriado estadual. É um marco histórico a ser celebrado pelo Congresso Nacional, em especial pelos representantes de São Paulo”, justificaram os senadores no requerimento.

Maria Helena sob supervisão de Paola Lima / Agência Senado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.