Agenda Mulher e Programa Ela Pode vão capacitar 2.500 mulheres até 2020

Ela Pode é o maior programa para a qualificação do empreendedorismo e empoderamento feminino do Brasil. Foto: Íris Carolina Miguez.

A vice-governadora Jaqueline Moraes assinou acordo de cooperação técnica com o Instituto Rede Mulher Empreendedora (Irme), com apoio do Google, para desenvolver capacitações do Programa Ela Pode nas dez microrregiões do Espirito Santo. A previsão é de que 2.500 capixabas sejam qualificadas até 2020. A assinatura da parceria aconteceu, na tarde desta quinta-feira (25), no auditório do Centro Estadual de Educação Técnica (Ceet) Vasco Coutinho, em Vila Velha, com a presença de mais de 300 mulheres.

Conforme explicou a coordenadora do Instituto Rede Mulher Empreendedora, Daiany França, o Ela Pode tem por objetivo capacitar mulheres brasileiras, garantindo independência financeira e poder de decisão sobre seus negócios e vidas. As capacitações são oferecidas gratuitamente, principalmente às mulheres em situação de vulnerabilidade socioeconômica.

À frente da articulação, Jaqueline Moraes, iniciou sua fala se dirigindo aos homens: “nós, mulheres, não precisamos da ajuda dos homens. Temos que quebrar esse hábito. Nós precisamos do envolvimento dos homens”, afirmou.

Ainda segundo a vice-governadora, o Governo Casagrande, ao escolhê-la como vice, sendo mulher, negra e da periferia, mostra o compromisso com a representação dos movimentos sociais e populares, e de quem nunca teve voz.

Sobre a parceria, Jaqueline Moraes agradeceu ao Irme, afirmando que eles trarão também para o interior do Estado, dentro do Agenda Mulher Itinerante, informações, possibilidades de network e pequenas palestras de uma forma diferenciada.

“Foi uma conquista para nosso Estado, uma valorização de todo o trabalho que vem sendo realizado e da construção de lindas histórias respaldadas no empoderamento e protagonismo feminino”, destacou.

Por Íris Carolina Miguez.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.