Violência contra mulher é tema do espetáculo de dança Abajur Cor de Carne

Fundamentado em dados sobre os índices de violência contra a mulher, a dança, o teatro, a poesia, a performance e a música se entrelaçam no espetáculo ‘Abajur Cor de Carne – Cartografia pela Dança’. O grupo Coletivo Emaranhado apresentará um ensaio aberto com oficina no próximo sábado (17) e domingo (18) em Vitória, como preparação para a estreia do espetáculo em setembro nas cidades de Guaçuí e Cachoeiro de Itapemirim. Todas as apresentações serão gratuitas.

 O espetáculo será encenado por artistas capixabas da dança, teatro e música, e foi elaborado por um processo criativo que durou seismeses e que por meio da arte vão expressar sua indignação contra violência de gênero. O trabalho foi contemplado com recursos do Edital de seleção de projetos n° 024/2018 – Seleção de Projetos Culturais Setoriais de Dança no Estado do Espírito Santo.

Serviço

 ‘Abajur Cor de Carne – Cartografia pela Dança’

Oficina.

Data: Sábado (17), às 15 horas. Entrada franca.

Local: Reverence Studio de Dança.

Rua Cyro Lopes Pereira, 509, Jardim da Penha, Vitória

Ensaio Aberto

Data: Domingo (18), às 10 horas. Entrada franca.

Local: Praça Filogomiro Lanes, Jardim da Penha, Vitória

Apresentação de estreia

Teatro Municipal Fernando Torres

Data: Sexta-feira: 13 de setembro

1° Apresentação às 10 horas, 2° Apresentação às 14 horas.

Sábado: 14 de setembro às 19 horas. Entrada franca.

Local: Avenida Governador Francisco Lacerda Aguiar – s/n, Guaçuí

Teatro Municipal Rubem Braga

Data: Sábado: 28 de setembro, às 19 horas. Entrada franca.

Local: Av. Beira-Rio, n° 237, Guandú, Cachoeiro de Itapemirim

Com informações da Assessoria de Comunicação da Secult/ES.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.