Missão internacional amplia possibilidade de novos negócios entre Minas Gerais e Espanha

Trabalho de internacionalização consolida o Estado na rota dos investimentos estrangeiros, atraindo mais desenvolvimento, com geração de emprego e renda para os mineiros

Foto: Mercedes Montejo

A equipe do Sistema de Desenvolvimento Econômico do Governo de Minas Gerais esteve em Madri, na Espanha, neste mês de janeiro, em missão internacional para atração de investimentos e avanços nas políticas de desenvolvimento. A delegação brasileira levou detalhes de projetos e informações relevantes para empresas interessadas em investir e fazer negócios em Minas, em setores como os de energia, soluções tecnológicas, gestão, aviação e ferroviário. A missão oficializa a cooperação, relacionamento e diálogo do Governo de Minas com agências e instituições espanholas.

“Esse trabalho de internacionalização da nossa economia e a inclusão de Minas Gerais na rota dos investimentos estrangeiros representam um grande passo para que possamos atrair cada vez mais desenvolvimento, investimento e promover a abertura do mercado mineiro para o mundo. Essas ações trazem como resultado a diversificação da nossa economia, já que estamos aplicando as políticas de liberdade econômica da gestão do governador Romeu Zema e o mundo vê isso com bons olhos”, ressalta o secretário de Desenvolvimento Econômico de Minas, Fernando Passalio.

“A missão realçou as diversas oportunidades que o estado oferece na atração de investimentos, com destaque para o setor de energias renováveis, especificamente a solar, assim como nos segmentos de infraestrutura, transporte ferroviário e de turismo. Tivemos ótimos retornos dos empresários, que já estão em contato contínuo com as equipes do Governo de Minas, assim como notamos um grande interesse de empreendimentos espanhóis em celebrar parcerias junto a empresas mineiras para realizar investimentos, principalmente, no setor de energias”, afirma o diretor de atração de investimento da Invest Minas, Ronaldo Alexandre Barquette.  

Energias renováveis

Gestores da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede) apresentaram projetos e informações relevantes relacionadas a projetos de energias renováveis e sobre concessões e venda de ativos do Estado, além de detalhamento do programa Minas Livre para Crescer. O trabalho terá continuidade nas próximas semanas e materiais complementares também já estão sendo enviados às empresas.

Em uma reuniões, houve sinalização da Alium Technologies – empresa de soluções inovadoras para desenvolvimento de projetos ligados ás energias renováveis, presente em 15 países – de que pretende investir mais de R$ 1 bi no setor em MG. Foi discutida, ainda, a possibilidade da criação de uma estação de tratamento de resíduos sólidos urbanos na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH) por intermédio da utilização de tecnologias avançadas da empresa. A Alium Technologies também manifestou grande interesse no projeto do MG Grafeno, que está com um chamamento público aberto, para alienação da participação da Codemge. 

 A expectativa é a de que o Governo de Minas receba a visita de empresários espanhóis em breve, para a sequência de tratativas e negócios. Em reunião com representantes da Confederação Espanhola de Organizações Empresariais (OEDC), também houve interesse dos empresários nos projetos mineiros de energias renováveis, hidrogênio e em planos relacionados a setores aéreo e de ciências da vida.

A delegação mineira também foi acompanhada pelo representante da Invest Minas na Espanha, Alberto Maestri, e conseguiu alinhar oportunidades de investimento em MG em setores estratégicos, durante seminário organizado pela ICEX Espanha Exportação e Investimento, com apoio da Câmara de Comércio Brasil-Espanha. Outro destaque foi uma reunião na Embaixada do Brasil na Espanha, com presença do embaixador Pompeu Andreucci Neto, da secretária de Comércio espanhol, Xiana Margarida Méndez-Bértolo, além de empresários dos setores de energia, transporte e agronegócios, a fim de discutir oportunidades de investimentos mútuos entre o país e Minas Gerais. 

Tecnologia de ponta

Mercedes Montejo

Com a participação remota de servidores do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais (Ipsemg) e da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), o secretário Fernando Passalio e o diretor Ronaldo Barquette se reuniram com representantes da empresa Legit Health, que atua com tecnologia de ponta e reconhecimento de imagem capaz de diagnosticar 232 patologias dermatológicas por meio de inteligência artificial. O software analisa as fotos enviadas via aplicativo instalado no celular dos pacientes, gerando um parecer a ser analisado por médicos cadastrados no sistema. E, somente se necessário, haverá agendamento de consulta presencial. 

O aplicativo da Legit Health despertou interesse na equipe mineira, por se tratar de um sistema já implementado em países como Espanha, Itália e México e com grande avanço tecnológico que dispõe do benefício de se evitar o deslocamento do paciente, fazendo uma melhor gestão do tempo e recursos. 

Infraestrutura 

O plano estratégico ferroviário do Estado foi apresentado a gestores da Adif, entidade pública espanhola ligada ao Ministério de Transportes e que cuida da administração de ferrovias e tráfego ferroviário no país. A empresa detém mais de 25 bilhões de euros em investimentos nos últimos 25 anos, além de gerenciar 15,5 mil quilômetros de ferrovias, 1,5 mil estações e 6,1 mil trens trafegando diariamente. Na oportunidade, o secretário Fernando Passalio entregou uma carta de intenções à Adif, sinalizando o interesse de Minas em investimentos no setor.

Outra negociação, contando com a participação de um representante da concessionária do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, BH Airport, envolve a possibilidade de criação de uma rota aérea conectando Belo Horizonte a Madri e com grande perspectiva de se iniciar já no próximo ano. As empresas buscam parceiros no Estado para desenvolver projetos e pretendem visitar o estado em breve para ampliar as negociações. 

Ainda durante a missão, o secretário e a comitiva visitaram a Feira Internacional de Turismo (Fitur), em Madri. Com essa ação proposta pela Secretaria de Estado de Cultura e Turismo (Secult), foi possível dialogar com empresas do setor aéreo, além de realizar uma importante pauta com uma empresa que possui um projeto inovador no setor de drones. 

Por Agência Minas


Siga A IMPRENSA ONLINE no InstagramFacebookTwitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.