Plenário aprova aumento de pena para quem ferir cães e gatos

Texto prevê reclusão de dois a cinco anos e multa. Foto: Fábio Pozzebom/Agência Brasi.

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou o projeto de lei que aumenta a pena de quem abusa, fere ou mutila cães e gatos. O texto acatado é o substitutivo da comissão especial para o Projeto de Lei 1095/19, do deputado Fred Costa (Patriota-MG). A matéria será enviada ao Senado.

A pena será de reclusão de dois a cinco anos, multa e proibição de guarda de animal.

Para os demais animais, a pena continua a mesma. Hoje, a Lei de Crimes Ambientais determina detenção de três meses a um ano e multa para casos de violência contra animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos.

Por Eduardo Piovesan – ‘Agência Câmara Notícias’.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.